Estudo feito no Nordeste mostra que substâncias encontradas no limão podem combater a Covid-19

|

 


Pesquisadores de universidades cearenses descobriram que o limão pode ser um grande aliado contra o coronavírus. É que a fruta possui compostos naturais específicos capazes de combater o Sars-Cov-2, agente causador da Covid-19. Publicado no ano passado, o estudo foi incluído na base de dados da Organização Mundial da Saúde (OMS).



Segundo reportagem do Diário do Nordeste, o achado faz parte de um trabalho de Victor Moreira de Oliveira, estudante de graduação em Química, da Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos, vinculada à Universidade Estadual do Ceará (Fafidam/Uece), de Limoeiro do Norte, em parceria com o grupo de Química Teórica e Eletroquímica (GQTE).

De acordo com os pesquisadores, o estudo teve como ponto de partida o hábito cultural cearense de tomar chás de cascas de frutas cítricas, como laranja e limão, quando as pessoas ficam gripadas. Os testes foram iniciados ainda em 2020.

Dos oito limonoides analisados, quatro mostraram atividade promissora: calodendrolídeo, pedonina, harrisonina e dasacetilnimocinol.

O coordenador do grupo e orientador do trabalho, Emmanuel Marinho, destaca a disponibilidade e a abundância do limão como fatores facilitadores de futuras pesquisas, já que não há necessidade de culturas complicadas ou pouco viáveis. (BNews)

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora