Cortando na própria carne: Capitão Alden quer redução de salários do governador, vice-governador, prefeito, vice-prefeito e deputados estaduais durante a pandemia

|



 O novo coronavírus (COVID-19) segue como principal desafio para todas as nações mundiais. A doença já completou aniversário no território nacional e continua sem data para se despedir dos brasileiros. Na Bahia, o deputado estadual Capitão Alden segue na luta contra a pandemia no estado, de março de 2020 até a presente data, o parlamentar foi autor de 90 ações específicas para o período: projetos de lei, projetos de indicação, requerimentos, entre outros.   

 

Entre as ações do deputado Bolsonarista, um destaque as últimas proposições dele que são direcionadas a redução dos salários do governador, vice-governador, prefeito, vice-prefeito, deputados estaduais, secretários estaduais e secretários municipais. O objetivo dos dois projetos de indicação é a destinação destes recursos para subsidiar o Auxílio Emergencial. 

 

Para o parlamentar, a melhor forma de descobrir se os políticos estão, verdadeiramente, dispostos a contribuir com soluções para minimizar os estragos da pandemia é a aprovação de seus projetos. “Temos que ‘cortar na carne’ para dar exemplo e fazer valer o discurso que de fato estamos atrás de soluções efetivas para as demandas impostas pela pandemia. Tenho certeza que uma medida como essa é muito mais assertiva do que impor lockdown”, afirma Alden.          

 

Outras ações - Na semana passada, o deputado estadual Capitão Alden protocolou um projeto de indicação que estabelece que sejam priorizados os seguintes profissionais na campanha de vacinação contra a COVID-19: porteiros, coveiros, farmacêuticos, veterinários, garis, eletricistas, caminhoneiros, frentistas, cobradores, motoristas de ônibus, taxistas, motoristas de APP, jornalistas e entregadores de APP. 

 

Vale destacar que em 2019, o parlamentar foi autor de um projeto de indicação que dispõe sobre a inclusão dos bombeiros militares, policiais militares, policiais civis, agentes penitenciário, agentes de trânsito e vigilantes patrimoniais no grupo de prioridades durante as campanhas de vacinação no estado

 

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora