Aprovados no concurso da PM fazem novo protesto em Salvador e reivindicam convocação

|

Aprovados em 2019 em um concurso da Polícia Militar realizado em 2012 fazem um protesto no Centro Centro Administrativo da Bahia (CAB), na manhã desta quinta-feira (16). Eles afirmam que ainda não foi chamado para executar as funções. Segundo os organizadores do ato, são mais de 1.500 aprovados para reforçar a corporação que não foram chamados. 

Cerca de 200 pessoas estão no local. Os manifestante se concentraram na frente da sede da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) e caminharam até o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA).

O grupo diz ter feito a prova do concurso, que teve seis questões anuladas e o Teste de Aptidão Física (TAF). Os aprovados pedem que o caso seja resolvido pelo Tribunal de Justiça da Bahia. Há uma semana, o mesmo grupo também protestou no CAB. 

Em nota, a Procuradoria Geral do Estado (PGE-BA) afirmou que a convocação dos aprovados em 2019 ainda não aconteceu, pois, os procedimentos da comissão que analisa o fenótipo dos candidatos não foram concluídos por causa da pandemia. De acordo com o órgão, com o retorno das atividades econômicas e os baixos índices de ocupação dos hospitais, o procedimento já foi retomado.

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora