ILHÉUS: ÍNDIO TUPINAMBÁ É ASSASSINADO ÀS VÉSPERAS DA CAMINHADA DOS MÁRTIRES

|

 

Crime aconteceu em Serra das Trempes, comunidade rural localizada entre Una e Ilhéus

Alex Barros, indígena tupinambá, foi assassinado a tiros na manhã da última quinta-feira (23), quando trabalhava na sua roça, em Serra das Trempes, comunidade localizada nos limites entre os municípios de Una e Ilhéus, no sul da Bahia.

A coordenadora executiva da Apib (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil), Sonia Guajajara, denunciou o crime em publicação nas redes sociais. Segundo ela, três homens encapuzados e fortemente armados surpreenderam o tupinambá e dispararam contra ele.

MARCHA TUPINAMBÁ

A execução de Alex ocorreu às vésperas da Caminhada em Homenagem aos Mártires Tupinambá, marcada para a manhã deste domingo (26). A marcha de Olivença até o rio Cururupe, no litoral sul de Ilhéus, relembra massacre de indígenas ocorrido em 1559, naquele local, sob o comando do governador geral Mem de Sá.

A caminhada também resgata a história da resistência indígena, na região de Olivença, liderada por Marcelino José Alves, o Caboclo Marcelino, que foi perseguido e morto pela ditatura de Getúlio Vargas na década de 1930

( Com informações do Pimenta)

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora