MÉDICO ACUSADO DE MATAR EX-COMPANHEIRA É PRESO EM FEIRA DE SANTANA

|

O corpo de Gabriela foi encontrado às margens da BR-116.

A Polícia Civil prendeu, nesta sexta-feira (3), o suspeito de matar a economista Gabriela Jardim Peixoto, de 35 anos. O pedido de prisão havia sido feita à Justiça no início da semana e deferida durante o interrogatório do médico Antônio Marcos Rego Costa, que se apresentou ao Complexo de Delegacias do Sobradinho, em Feira de Santana.

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) informou que o pedido da Polícia Civil baseou-se em imagens de câmeras de segurança, relatos de testemunhas e na análise realizada pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT) no carro do suspeito, que continha resquícios de sangue. A delegada Klaudine Passos, da 1ª Delegacia Territorial de Feira de Santana, explicou como a investigação chegou ao homem, que havia viajado para o Acre logo após o desaparecimento de Gabriela.

O corpo de Gabriela foi encontrado às margens da BR-116, no último sábado (28). “Logo que fomos ao último local onde ela foi vista, colhemos depoimentos importantes. Eles foram vistos em um bar do outro lado da cidade. Em seguida, apuramos que o veículo do homem passou em um sentido da BR-116, de madrugada, e voltou alguns minutos depois”, disse a delegada, lembrando que foi naquela rodovia que o corpo de Gabriela foi encontrada.

CELULAR EM MODO AVIÃO

A delegada explicou que o celular da economista foi colocado em modo avião logo depois do desaparecimento dela. “A investigação já apontava para a hipótese de Gabriela Jardim estar morta desde o início. Pelo desenrolar da investigação, isso foi ficando claro, porque ela não entrava em contato com a família, nem com a filha que ela nunca abandonou”, detalhou Klaudine.

Médico acusado de matar a ex-mulher é preso após prestar depoimento.

O suspeito será encaminhado ao presídio. De acordo com a polícia, o médico e Gabriela Jardim foram casados por um período de quatro anos. Os dois viviam um relacionamento marcado por muitas brigas. Testemunhas relataram que o suspeito do crime agredia a vítima.

 (Com informações do Pimenta)

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora