“Capitão Alden tem feito a diferença para cada cidadão baiano”, diz João Roma

|

 

Juntos na Brado Rádio nesta segunda-feira (21), para falar aos baianos sobre os projetos e ações do Governo Federal para a Bahia e como o estado pode se libertar de ideologias esquerdistas que maltrataram os baianos nos últimos anos, o deputado estadual Capitão Alden e o ministro da Cidadania João Roma enfatizaram que andam em conjunto com o propósito de defender a liberdade do povo baiano. 


Reconhecendo o trabalho do parlamentar e do seu acesso ao presidente, Roma ressaltou a necessidade de a Bahia ter representantes em Brasília que defendam os interesses dos estados e que representem os princípios conservadores. O ministro ainda lembrou que estará com o deputado esta semana na capital federal para novas articulações de projetos.

 

“Capitão Alden tem feito a diferença para cada cidadão baiano. Estamos juntos nesta caminhada, e estaremos juntos em Brasília esta semana também para discutir pautas importantes para o cidadão baiano, pois a Bahia precisa marchar de mãos dadas com o Brasil. Então, lá em Brasília, junto com o nosso presidente Jair Bolsonaro, vamos cada vez mais trabalhar para defender a nossa liberdade e colocar nosso estado no rumo certo”, disse Roma, que confirmou que é pré-candidato ao Governo do Estado, negando as especulações de desistência.


Alden lembrou que por onde tem passado pela Bahia tem visto que a aceitação do presidente Jair Bolsonaro cresce com o reconhecimento do povo baiano pelas ações do Governo Federal, incluindo o Ministério da Cidadania, liderado por João Roma, e que é a “casa” de projetos como o Auxílio Brasil, que atenderá milhões de famílias. 


“Ando todo o estado e este é o sentimento que vemos. O presidente Jair Bolsonaro tem sido reconhecido pelo povo baiano. A Bahia carece de representantes que tirem o estado das atuais condições que se encontra, principalmente quando falamos de Segurança Pública e Educação. São os piores índices do Brasil. Tanto eu quanto o ministro João Roma sabemos disso e vamos para a missão que o presidente direcionar. Como disse o ministro, a Bahia precisa andar de mãos dadas com o Brasil”, reiterou.

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora