JUSTIÇA CASSA MANDATO DE VEREADOR EM CONQUISTA POR DENÚNCIA DE FRAUDE EM ELEIÇÃO

|

 

A decisão tomou como base uma denúncia do Ministério Público Eleitoral.

Um vereador de Vitória da Conquista, no Sudoeste, teve o mandado cassado pela Justiça Eleitoral. A medida afasta o vereador Orlando Filho, já que cassa a candidatura de todos os postulantes do PRTB que participaram das eleições de 2020 no município. A decisão tomou como base uma denúncia do Ministério Público Eleitoral (MPE) que acusou o PRTB conquistense de fraudar a conta de candidaturas de mulheres, que exige o mínimo de 30%. Ainda cabe recurso da decisão.

Conforme a Justiça Eleitoral, via G1, o também pastor Orlando Filho teve envolvimento com as candidaturas fantasmas de Jaqueline Rocha dos Santos e Fabiana Lima Lopes, que tiveram o “intuito deliberado de burlar a cota de gênero estabelecida pela lei eleitoral”. Ainda na decisão, a Justiça descreveu que as duas mulheres não se portavam como candidatas, não faziam propaganda eleitoral em benefício próprio, mas sim em benefício de outros candidatos, sem interesse em manifestar as próprias candidaturas.

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora