Fazendeiro de 56 anos foi morto a tiros em Barro Preto; ele tinha escapado da primeira tentativa de homicídio

|

 


O fazendeiro Joelson Delmiro Gonçalves, 56 anos, foi morto a tiros na manhã da última segunda-feira (5), em Barro Preto. Ele se encontrava na Fazenda São Judas Tadeu, de sua propriedade, quando homens armados invadiram o local e o executaram. Segundo informações policiais, Joelson sofreu, há alguns meses, uma tentativa de homicídio.



Agora a investigação parte do princípio de que os criminosos sejam os mesmos. O corpo foi removido pelo Departamento de Polícia Técnica de Itabuna para necropsia e será liberado para sepultamento ainda hoje. As investigações estão sob o comando do delegado Israel Fitterman, de Barro Preto. 

(Com informações do radialista Carlos Barbosa)

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora