Hospital Metropolitano: após denúncia de Capitão Alden, a Sesab diz que em março resolverá a situação

|

 


O rumo ao estado de “colapso” na Saúde na Bahia tem se tornado mais eminente, segundo os gestores estaduais e municipais, mas o que tem gerado certa desconfiança de alguns políticos é o fato da existência de uma unidade de saúde de grande porte na Região Metropolitana de Salvador que encontra-se pronta, mas sem funcionar. 

 


Nesta quarta-feira (24), o deputado estadual Capitão Alden (PSL), um dos principais Bolsonaristas da Bahia, esteve no Hospital Metropolitano, situado em Lauro de Freitas, para realizar verificações no espaço com o objetivo de checar os reais motivos da inatividade da unidade de saúde. De acordo com o parlamentar, além de ser impedido de entrar no local, houve contato telefônico com representantes da Sesab que sinalizaram que ele poderia entrar no espaço caso enviasse ofício, procedimento que foi feito na mesma tarde.   

 


“Engraçado que após minha visita ao Hospital Metropolitano, que até então não tinha previsão de funcionamento, a Sesab solta uma matéria falando que o problema será resolvido em ‘março’, mas é bom lembrar que ‘março’ é semana que vem”, destaca Alden.  

 

 

Para o deputado estadual Capitão Alden, o que ele não compreende é o motivo do Governo do Estado não ter colocado de imediato o Hospital Metropolitano para funcionar e deixar chegar ao ponto de um eventual “colapso” na Saúde do estado. “São 265 leitos, um investimento de mais de R$ 170 milhões! O que o Governador precisa entender é fazer menos política e mais gestão, o povo tá morrendo, enquanto ele brinca de gerir o estado”, pontua Alden.

 

 

©2011 Ubatã Sul Notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora