Criança pequena encontra arma e mata mãe com tiro na cabeça durante videoconferência de trabalho nos EUA

|

Foto: Reprodução

Idade da criança não foi divulgada, mas polícia se referiu a ela como 'toddler', termo em inglês usado para definir crianças entre os 12 e 36 meses. Um dos participantes da reunião acionou emergência após vê-la no fundo e ouvir o som de um tiro; Shamaya Lynn, de 21 anos, caiu para trás e não retornou ao vídeo.

 

Uma criança pequena encontrou uma arma carregada dentro de casa e matou a mãe com um tiro na cabeça enquanto ela participava de uma reunião online de trabalho, na quarta-feira (11). Os colegas da mulher viram a cena ao vivo, segundo a polícia da Flórida, nos EUA.


A idade da criança não foi divulgada, mas a polícia se referiu a ela como “toddler”, termo em inglês usado para definir crianças entre os 12 e 36 meses.

Um dos participantes da videoconferência acionou o serviço de emergência após ver a criança no fundo e ouvir o som de um tiro, segundo a polícia de Altamonte Springs. A mulher, identificada como Shamaya Lynn, de 21 anos, caiu para trás e não retornou ao vídeo.

“Policiais e paramédicos fizeram o melhor que puderam para acudir a sra. Lynn, mas ela foi encontrada com um ferimento a bala na cabeça”, diz um comunicado da polícia.

As autoridades disseram que a arma claramente não estava guardada em um lugar seguro. Os investigadores trabalham em conjunto com o gabinete da Procuradoria do Condado de Seminole para determinar se serão apresentadas acusações contra alguém. (G1)

 


0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora