POLÍCIA INVESTIGA CONVITES PARA SUICÍDIO COLETIVO EM ESCOLAS DE FORTALEZA

|

 

Foto: Meramente Ilustrativa/Reprodução Google

Uma investigação foi aberta pela Polícia Civil do Ceará para apurar convites de suicídio coletivo de alunos de escolas privadas de Fortaleza, através de mensagens que circulavam nas redes sociais. As publicações começaram a ser compartilhadas em 17 de novembro deste ano. As informações são do Jornal Folha de São Paulo.

Eram divulgadas informações de data, hora e local onde seriam realizados os suicídios coletivos, segundo o Ministério Público do Estado do Ceará. Depois disso, a Promotoria da Infância e da Juventude instaurou um processo para acompanhar e apurar as informações coletadas.

A Delegacia da Criança e do Adolescente definiu o episódio como “ato infracional análogo ao crime de indução ou instigação ao suicídio”. Os suspeitos já foram identificados e as oitivas estão sendo realizadas, ​segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aponta o suicídio como a segunda causa de morte mais recorrente entre adolescentes e jovens no mundo

(Com informações do CORREIO)

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora