Adolescente tem parte da perna devorada por cachorro e PM mata o animal

|

 


O cão é uma mistura das raças pitbull e fila e pertencia a um dos vizinhos do menino

Um menino de 12 anos teve parte da perna dilacerada por um cachorro, na tarde desta quarta-feira (5), em Planaltina, no Distrito Federal. O animal foi morto a tiros por um policial militar. O adolescente foi levado para o Hospital Regional de Planaltina, e passa bem.

O cão é uma mistura das raças pitbull e fila e pertencia a um dos vizinhos do menino. Segundo moradores, era comum episódios de ataques na região por parte do animal que já agrediu outras crianças e adultos.

De acordo com testemunhas, o menino estava na garagem de casa, com o portão entreaberto, quando foi surpreendido pelo animal. O PM Hebert Henrique Araújo afirmou ao G1 que acompanhava o serviço de um eletricista na residência de familiares, quando viu o ataque e partiu em defesa do sobrinho. Antes de atirar, Hebert disse ter dado chutes no cão na tentativa de afastá-lo.

Os tiros que mataram o cachorro foram desferidos depois que o sobrinho do policial já tinha sido levado ao hospital. Segundo o PM, o animal continuou solto na rua, ameaçando a vizinhança e voltou para tentar atacar Hebert. Nesse momento, o tio atirou contra o cão.

A família da vítima registrou um boletim de ocorrência e, de acordo com o informado pela Polícia Civil, o tutor do cão vai responder por omissão de cautela na guarda de animal.

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora