MC FAZ HOMEM DE ‘ESCUDO HUMANO’ PARA SE PROTEGER DE TIROS, MAS OS DOIS SÃO MORTOS

|

 

MC (foto) faz homem de ‘escudo humano’ para se proteger de tiros, mas os dois são mortos.

O cantor MC Irak Dois foi morto a tiros no domingo (2), em um condomínio no Cabo de Santo Agostinho, na Grande Recife (PE), junto a outro homem, que, segundo testemunhas, foi feito de “escudo humano” por ele. O crime aconteceu na Cidade Garapu, por volta das 13h, mas a Polícia Civil só confirmou o assassinato nesta segunda-feira (3).

Ewerton Matheus da Silva, conhecido como MC Irak, tinha 19 anos. Junto a ele, faleceu o soldador Cristiano da Silva, de 30 anos. “Segundo informes da população, Ewerton utilizou Cristiano como escudo humano para evitar sua execução, levando ambos a morte”, afirmou a polícia em relatório. O cantor morreu no local, mas Cristiano chegou a ser socorrido e levado a uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), mas não resistiu.  A motivação e autoria do crime ainda não foram identificadas, mas a Polícia Civil afirmou que as investigações já foram iniciadas.

Amigo do MC Irak, o MC Lucas Lancaster rebateu as informações da polícia. “Não conheço [Cristiano], mas não teve isso de escudo humano. Ele [MC Irak] estava bebendo no momento errado e na hora errada. Chegaram desconhecidos, perguntaram se tinha droga e efetuaram vários disparos. Ele não usava droga, nem nada. Era só bebida e mulher. Nem cigarro usava”, disse ele ao 

G1.

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora