HOMEM NÃO ACEITA FIM DO RELACIONAMENTO, TENTA MATAR BLOGUEIRA A TIROS E LOGO EM SEGUIDA COMETE SUICÍDIO

|

 


A blogueira Geovana Avaristo foi vítima de tentativa de feminicídio na noite da última quinta-feira (17), no Centro de Nossa Senhora da Glória, município do Sertão Sergipano. De acordo com a Polícia Militar (PM), o ex-namorado da vítima estava inconformado com o fim do relacionamento e tentou atirar na blogueira e depois cometeu suicídio.

O homem estava mantendo a vítima em cárcere privado em um apartamento. Ainda segundo a PM, ao chegar ao local foi solicitado que o acusado saísse do imóvel para conversar com os militares, o que não ocorreu. O homem pediu para que a vítima entrasse, e em seguida, atirou quatro vezes na mulher. Os militares entraram na casa encontraram o suspeito e a vítima caídos no chão. A mulher estava consciente, já o homem respirava com dificuldade.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para socorrer as vítimas. O estado de saúde dela é desconhecido, ele morreu ainda na ambulância, no caminho para um hospital local. Durante a ação, um revólver calibre 32 com seis munições foi apreendido. Uma cartela com dez munições intactas também foi encontrada no local. A blogueira Geovana Avaristo é famosa nas redes sociais.

Com mais de 60 mil seguidores, ela ganhou o título de “Rainha da Vaquejada” em um concurso da região. O caso foi registrado como tentativa de feminicídio qualificada, com recurso que dificulta ou torna impossível a defesa da vítima, e será investigado pela Delegacia Regional da cidade.

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora