MÉDICA INVESTIGADA POR MANTER MARIDO EM CÁRCERE PRIVADO JÁ MANDOU CORTAR O PÊNIS DE EX NOIVO

|

 

A médica mandou cortar o pênis de ex, em 2002, no estado de Minas Gerais.

Uma médica de 41 anos, que está sendo investigada pela Polícia Civil por agredir e torturar o atual companheiro e compartilhar todas as cenas nas redes sociais, já preencheu as páginas de jornais por ter sido condenada por mandar cortar o pênis do ex-noivo, em 2002, no estado de Minas Gerais.

Nesta semana, Myriam Priscila de Rezende Castro virou alvo das autoridades da cidade de Tremembé, no interior de São Paulo, após ser denunciada por manter o marido em cárcere privado. O homem seria vítima de agressões físicas e psicológicas, que eram compartilhadas nas redes sociais pela agressora. As informações são do G1.

Na quarta-feira, investigadores estiveram na casa da família para cumprir mandado de busca e apreensão no imóvel. No local, o homem e as filhas do casal foram encontrados feridos. A vítima relatou aos policiais que as crianças também eram vítimas de agressão, e que ainda estava no relacionamento por depender financeiramente da agressora.

Ainda de acordo com informações do G1, a Polícia Civil encontrou a casa em péssimas condições de higiene. No local havia 15 cães, uma cobra, ratos, um coelho e uma porca. Em um freezer, havia também uma ave, um coelho e um cachorro congelados. A médica não estava em casa durante a ação policial. Um advogado que representa a suspeita afirmou que ela vai se apresentar em uma delegacia. A mulher vai responder por lesão corporal, tortura e maus tratos a animais. 

(Redação: BNews)

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora