Sobre vacinação infantil, Capitão Alden diz que proteção da família é um valor conservador

|

 

O deputado estadual Capitão Alden lembrou, neste sábado (29), que a proteção da família é um valor tradicionalmente conservador, após comentar sobre a vacinação infantil e o medo que parte da sociedade tem do procedimento. 


“Não há nada de mal em ter receio em vacinar seus filhos com uma vacina em fase experimental. É um valor conservador, um valor de proteção à família, já que ainda não se sabe a totalidade dos possíveis efeitos colaterais que possam surgir. Além do fato de, em alguns locais do Brasil, existirem erros sendo cometidos, de dosagem, de tipo de vacina, e tudo isso gera apreensão aos pais. O Brasil é um país que, na sua essência, defende valores religiosos, da família, da liberdade e preserva as nossas crianças”, disse o parlamentar. 


Capitão Alden ainda citou que segue contra qualquer tipo de obrigação referente à vacina. 


“Qualquer tipo de atitude ou decreto que coloque o povo em estado de obrigação vacinal para realizar os seus afazeres, seja voltado ao lazer ou até mesmo econômico, deve ser repudiado.  Temos o direito constitucional da liberdade e precisamos lutar contra isso”, completou Alden, acrescentando que “quem defende, cuida e preserva os seus filhos, está, na verdade, preservando o futuro da nação e está de parabéns por agir desta forma”.

0 comentários:

Postar um comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Ubatã Sul Notícias. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

 

©2011 Ubatã Sul Notícias: Confiança e credibilidade nas notícias | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Davii Alvarenga - Leme Produtora